Uma das etapas mais difíceis de uma Volta ao Mundo ou de uma grande expedição é a definição do carro. Muitas são as dúvidas de quem vai botar o pé na estrada e inúmeras são as variáveis que envolvem esta escolha. Há aqueles overlanders que já se identificam com uma determinada marca ou carro específico, o que facilita muito este processo. Contudo, este não era o nosso caso. Não iniciamos esta etapa com qualquer tendência ou viés para a escolha do carro, o que nos deixou completamente sem foco, desde o início de nossas pesquisas.

Foi mais de um ano e meio de pesquisas, conversas informais com outros viajantes e diversas análises realizadas. Como desejávamos construir um motorhome, levávamos sempre este desejo em consideração. Contudo, após incontáveis orçamentos e reuniões com empresas do ramo, desistimos da construção do motorhome. Infelizmente, no Brasil, o custo de construir uma casa sobre rodas é proibitivo. Um luxo para poucos. Comprometeria profundamente o nosso planejamento financeiro e, possivelmente, atrasaria a nossa partida.

Quando tomamos esta decisão, nossas opções de carro se reduziram consideravelmente. Precisávamos de um carro com espaço interno suficiente para montarmos uma “pequena casa”, com uma estrutura básica de cozinha e armários e que fosse extremamente confiável. Delineada todas estas necessidades do projeto, fomos conduzidos, de forma não intencional, em direção à Land Rover Defender 110.

1Land Rover Defender 110

Considerada um ícone mundial para os aventureiros “fora de estrada”, a Defender realmente possui inúmeros atributos que a colocam em vantagem com outros concorrentes do segmento. Conhecida por sua robustez, indestrutibilidade e confiabilidade, a Land Rover Defender é um carro que impressiona. Além disso, os modelos com motor 300 TDI, que foram fabricados até o ano de 2006, possuem o sistema todo mecânico, o que facilita a manutenção em países com pouca estrutura ou em cidades pequenas, já que não necessitam de equipamentos eletrônicos para a identificação e correção de defeitos. Fora todos estes atributos, é o carro que possui o melhor espaço interno do segmento, o que nos propiciará ter uma “casa”, a mais espaçosa possível.

Mesmo impressionados com o carro, toda a nossa decisão seguiu o planejamento que havíamos traçado. Nunca tínhamos dirigido uma Land Rover Defender antes e a compramos sem ter experimentado esta sensação. Confessamos que foi um tiro no escuro, mas não nos restavam muitas outras opções. Talvez, se tivéssemos condições financeiras de construir um motorhome, teríamos optado por outro veículo. Talvez, não. Hoje, mais adaptados ao carro, sentimos que acertamos o alvo, ainda que existam inúmeros outros carros ideais para uma volta ao mundo ou para uma grande expedição.

Como pesquisamos muito sobre diversos carros, compartilharemos abaixo as nossas experiências e os motivos que nos levaram a abdicar de suas escolhas.

2Ford F-250

A Ford F-250 por diversas vezes esteve como nosso carro eleito para a volta ao mundo. Por ser um veículo forte, com boa tração 4×4 e com motorização Cummins, uma das melhores e mais difundidas marcas de motor do mundo, por pouco não fechamos a sua escolha. O que pesou contra o carro foi o fato de que, a construção do motorhome sobre a sua carroceria ficaria muito cara, além de ser enquadrado na legislação brasileira como caminhão, o que poderia nos causar transtornos e limitações em certos países do mundo. Contudo, não temos dúvida que seria uma ótima escolha.

Foto: 4x4brasil.com.br/forum/attachments/veiculos-e-preparacao

3Toyota Hilux e SW4

A Toyota Hilux foi outro carro que sempre esteve em nossas listagens. Pelo fato de, durante muitos anos, a Toyota ser a marca mais vendida no mundo, não será nada difícil encontrar manutenção boa e barata pelos 5 continentes. Desistimos de sua escolha, pois seus modelos mais novos são repletos de eletrônica e precisaríamos investir no motorhome, que estava fora de nosso alcance. Assim, a outra opção que surgiu foi a Hilux SW4. Os seus modelos mais antigos são totalmente mecânicos e possui excelente motorização. Na fase final da escolha, ela estava, juntamente com a Land Rover Defender 110 na nossa lista. As duas últimas opções. No fim, optamos pela Defender em detrimento da SW4 por causa do espaço interno, que é consideravelmente maior na Land Rover.

Foto: itsthejourneythatmatters.com

4Toyota Bandeirante

Uma escolha que praticamente chegamos a fechar foi da Toyota Bandeirante. Conhecida no exterior como a destemida Land Cruiser, este carro da Toyota é um dos preferidos dos overlanders estrangeiros. Pra todos os lados que se vá, sempre se vê muitas Toyotas Land Cruiser. Quase compramos uma Bandeirante chassi curto, ano 96, motor Toyota, porém desistimos de última hora por causa do valor do motorhome. Achamos um carro muito interessante, sem quaisquer dispositivos eletrônicos e de fácil e barata manutenção. Caso escolhêssemos a Band, optaríamos pelo motor Toyota, já que este desenvolve melhor e possui menos ruídos que as Bandeirantes com motor Mercedes. Contudo, esta é uma escolha pessoal. Muitos preferem o motor Mercedes, por ser mais confiável e de manutenção simples. De qualquer forma, é um grande carro para longas expedições.

Obs.: Há a possibilidade da Toyota Bandeirante com teto rígido. Até chegamos a cogitá-la na fase final do processo de escolha, porém seu espaço interno é significativamente menor que o da Land Rover Defender 110.

Foto: 1.bp.blogspot.com/

5Agrale Marruá

Um carro desconhecido da maior parte da população, mas muito famoso no meio off-road é a Agrale Marruá. Desenvolvido para uso militar, o carro impressiona por sua robustez e imponência. Chegamos a cogitá-lo em nossa escolha, pois possui um dos melhores motores de todos os tempos, o MWM 2.8. Contudo, desistimos por ser um veículo caro e por ser usado para fins militares, o que poderia nos causar problemas em países com grandes instabilidades locais, já que poderiam nos confundir com militares do exército.

Foto: secco.com.br

6Volkswagen Kombi

Um veículo que pesquisamos no início foi a Kombi. Por ter um amplo espaço interno, é um carro ideal para longas expedições, já que é possível montar uma ótima estrutura em seu interior. Desistimos da ideia pelo fato de a Kombi não possuir tração 4×4 e ser um carro relativamente baixo, o que poderia nos gerar complicações nos caminhos alternativos que gostamos de passar.

Foto: flatout.com.br

7Volkswagen Amarok

Pelo fato de termos feito duas grandes expedições a bordo da Amarok, este é um carro que volta e meia pensávamos para nossa volta ao mundo. A Amarok sempre se mostrou muito confiável e robusta em nossas viagens. Contudo, o fato de depender exclusivamente de Diesel S-10 dificultava muito a sua escolha. Inúmeros países pelo mundo não possuem este tipo de diesel, o que necessitaria de nós um planejamento e cuidado extremo com o motor. Além disso, todo o seu sistema é eletrônico, algo que escolhemos evitar para o nosso carro.

8Land Rover Defender 130

Outro carro que estivemos próximos de sua aquisição foi a Land Rover Defender 130 cabine simples. O modelo da Defender com caçamba é uma das melhores pick-ups do mercado. Com sistema totalmente mecânico, é um dos carros preferidos no mundo para a adaptação de motorhomes. Caso fôssemos investir em uma casa sobre rodas, com certeza esta seria a nossa escolha. O que pesa contra são as poucas opções que se têm no mercado brasileiro e seu alto custo. Encontrar uma Defender 130 conservada, com motor 300 TDI, no Brasil, é uma tarefa nada fácil.

Foto: i.ytimg.com

Qual escolher?

 

Enfim, todo o processo de escolha do carro depende muito das circunstâncias da expedição. Quantas pessoas viajarão no carro? A expedição será por lugares remotos e “fora de estrada” ou por grandes e médias cidades? Passará por estradas que exigem um carro com tração 4×4 e preparado para o meio off-road? Conforme forem estas respostas, a sua escolha será direcionada para os veículos que mais se adequem ao perfil da expedição.

O mais importante é nunca desistir dos seus sonhos. Pessoas viajam o mundo de bicicleta, a pé e de carona com pouquíssimos recursos. No fim, não deixe que esta escolha atrapalhe os seus planos. Se não puder comprar o carro dos sonhos, compre o que for possível. Se não puder adaptá-lo como um moderno motorhome, adapte-o da forma que der. Chega uma hora em que o mais importante é partir, do jeito que for.

14 COMENTÁRIOS

  1. Bom dia!

    Minha ideia sempre foi a kombi. Já pesquisei e sei que é possível fazê-la ser 4×4 mas porque não escolheram essa opção? Ficaria muito mais caro que a escolha de vocês?

    • Olá Thais, tudo bem?
      Que alegria receber a sua mensagem no Terra Adentro!
      Então, até chegamos a pensar em uma Kombi e pesquisar sobre a adaptação do 4×4, mas ouvimos que seria inviável financeiramente e do ponto de vista mecânico.
      De fato, não chegamos a pesquisar a fundo sobre este assunto, apenas lemos alguns fóruns 4×4 e conversamos com alguns mecânicos.
      Nosso sonho mesmo era uma Defender 130 com um motorhome na caçamba, mas o preço de execução ficou inviável.
      Qualquer dúvida conte sempre conosco, Thais!
      Abraços dos amigos,
      Henrique e Sabrina.

  2. Olá, pessoal!
    Chegaram a cogitar a Nissan X Terra? Se cogitaram, por que não compraram?
    (Comprei uma recentemente, com motorização MWM 2.8 Turbodiesel Intercooler, e vou partir para uma viagem de 6 meses rebocando um trailer pela América do Sul)

    • Olá Nikolas e Paula, tudo bem?
      Ficamos muito felizes em receber a mensagem de vocês no Terra Adentro, especialmente sabendo que também irão se aventurar pela América do Sul!
      Já estamos seguindo vocês no Facebook e acompanharemos os relatos e os posts sempre! =) Parabéns pelo projeto e pela coragem de deixar tudo para trás, em prol de um grande sonho!
      Então, nós até chegamos a avaliar a Nissan X Terra, mas desistimos logo nas primeiras pesquisas, pois achamos o interior dela um pouco pequeno para o nosso projeto.
      Ficamos encantados com a X Terra, com o seu motor e o desempenho fantástico, pois chegamos a fazer um teste em uma 2004.
      Contudo, o que pesou contra, em nosso caso, foi somente o espaço interno, pois não teríamos como fazer o mesmo projeto que fizemos na Defender.
      Bom, de qualquer forma, penso que vocês fizeram uma excelente escolha, pois é um carro admirável e muito robusto, além de ter um custo/benefício fantástico!
      Esperamos que vocês curtam demais esta incrível aventura na América do Sul!
      E estaremos em contato, sempre que possível!
      O que precisarem, podem contar sempre com nosso apoio, colaboração e incentivo!
      Foi um prazer falar com vocês, amigos!
      Abraços,
      Henrique e Sabrina.

      • Ah, que legal!
        Pois é… o espaço interno para moradia é inviável. Para o projeto de vocês, com certeza não daria certo. Como nossa vem rebocada nas costas, não precisamos muito do espaço dela.
        Que bom que podemos contar com vocês. 🙂 Se tivermos dúvidas, vamos incomodar vocês hahaha.
        Grato pela atenção e boa sorte na aventura!
        Abraços!
        Nikolas

        • Olá amigos, Nikolas e Paula! =)
          Estaremos sempre na companhia de vocês, curtindo e vibrando com cada conquista desta aventura fantástica que farão pela América do Sul!
          Saibam que sempre poderão contar com o apoio, a colaboração e o incentivo dos amigos que lhes escrevem!
          Esperamos conhecê-los pessoalmente algum dia!
          Um grande abraço dos amigos,
          Henrique e Sabrina.

  3. Olá equipe terra Adentro, eu me Chamo Antonio Louzada, e também faço pequenas expedições, sou jeepeiro. para o próximo ano estou planejando faze uma expedição pela Amazonia.
    eu tenho uma Defender 110, e uma Band 98 chassi curto, amo de paixão meus carros.
    sou eu mesmo que faço a manutenção nos meus carro pois também sou mecânico.
    esta escolha de optar por um veiculo totalmente mecânico foi mais que acertada, pois os carros eletrônico nem em todos us lugares encontram pessoas que sabe resolver pequenos problemas alem de não ser muito confiável em passagem por águas poco profundas devido a grande quantidade de sensores.
    gostaria de saber o ano desta sua 110?
    uma forte abraço e que Deus lhes abençoes.
    estarei sempre acompanhando o casal em suas viagem pelo o mundo.

    • Olá amigo Antônio Louzada, tudo bem?
      Que imenso prazer receber a sua mensagem no Terra Adentro!
      Que bacana as viagens off-roads que você faz! Ainda não conhecemos estes caminhos da Amazônia, mas pretendemos ir em um futuro breve! =)
      Muito obrigado por compartilhar informações valiosíssimas conosco!
      Então, a nossa Defender é ano 2003/2003 e é um carro incrível! Agora, que já estamos mais acostumados com o carro, sentimos que fizemos uma ótima escolha!
      Boas viagens sempre, amigo Antônio!
      Que DEUS o abençoe sempre!
      Abraços dos amigos,
      Henrique e Sabrina.

  4. Henrique e Sabrina. Gostei muito das explicações sobre as diferentes possibilidades de carro . Muito bacana o site de vocês. Parabéns pela maneira como vocês escrevem, muito explicativo, muito incentivador . Vou continuar lendo e acompanhando os relatos. Desejo a vocês excelentes viagens e aventuras, com muitas emoções e aprendizados. Cynthia Noronha.

    • Olá Cynthia, tudo bem?
      É um imenso prazer receber a sua mensagem no Terra Adentro!
      Ficamos muito felizes e extremamente agradecidos com as palavras tão elogiosas!! Nós que só temos a te agradecer pela companhia e pelo incentivo! Suas palavras são muito importantes para continuarmos com muito empenho esta longa jornada pelo mundo!
      Conte sempre com nosso apoio, Cynthia!
      Abraços dos amigos,
      Henrique e Sabrina.

  5. Boa tarde. Conheci há pouco o site de vocês e estou acompanhando no FB. Estamos iniciando a pesquisa e o planejando de uma viagem (para daqui uns 3 anos) e por um período mais curto, provavelmente uns 7 ou 8 meses. No momento estamos pensando exatamente no carro. Já fomos da Sprinter ao Defender, passando por vários outros, como acredito que vocês também tenham passado.

    Uma dúvida que surgiu agora e que ainda não verificamos com mais propriedade é se seria viável comprar um carro nos EUA e iniciar a viagem de lá. O questionamento surgiu por sabermos que de certa forma os veículos lá são mais baratos e também pela maior facilidade de fazer as adaptações necessárias.

    Vocês chegaram a pesquisar algo sobre essa possibilidade de comprar e montar o carro fora, ou de comprá-lo já montado? Abraços e sucesso na empreitada.

    • Olá Max Santos, tudo bem?
      Que bom receber o seu contato no Terra Adentro.
      De fato, Max, esta etapa da escolha do carro é uma das mais difíceis do planejamento. São muitas variáveis que precisam ser estudadas e muitas incertezas também.
      Sobre a ideia de comprar tudo nos EUA acho uma ótima ideia. Você pode montar todo o seu motorhome lá, começar a viagem dos EUA e, ao final da viagem, voltar para o país e vender o carro lá mesmo. Esta foi uma opção que quase realizamos, contudo a subida do dólar atrapalhou este nosso plano. Mas, penso que é uma ótima alternativa.
      Qualquer outra dúvida pode contar sempre com nosso apoio, Max.
      Abraços dos amigos, Henrique e Sabrina.

  6. Muito muiiiiito parabéns ao casal, pela garra de Partir” com tudo, que Deus (da forma como vocês o identificam) os proteja e aproveitem tudo, abraçossssssssss

    • Olá, Frank ely! Muito obrigada pelas boas energias. Continue acompanhando o Terra Adentro que vamos contar tudo sobre a Volta ao Mundo aqui. Um abraço, Sabrina e Henrique.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here