O nosso carro para a Volta ao Mundo é um Land Rover Defender 110, ano 2003 e motor TDI

A escolha do carro foi uma das etapas mais difíceis de todo o planejamento da viagem. São inúmeras variáveis e dúvidas envolvidas nesta decisão tão importante. Levamos meses para chegarmos a uma conclusão final. Lembro que estávamos sentados em casa, discutindo o projeto, refazendo contas, quando uma voz soou suavemente: –“Vamos de Defender 110. Precisamos de algo mais?” era a Sabrina, que sutilmente apontava um caminho. Aqueles segundos que se passaram, entre a dúvida e a certeza, foram uma eternidade, mas sabíamos que tínhamos feito a escolha certa.

Compramos nossa Defender com um pouco mais de 163 mil quilômetros rodados. Confessamos que foi paixão à primeira vista. Fomos a Belo Horizonte para conhecê-la em uma terça-feira de abril e o restante do mês não conseguimos mais dormir pensando nela! Regressamos no mês seguinte para fecharmos a compra. Por pouco não perdemos a nossa companheira para outros interessados. Mas, sabíamos que o seu destino estava selado: rodar todo o mundo em nossa companhia e ver com os próprios olhos as belezas de nosso planeta.

2 COMENTÁRIOS

  1. Olá! Boa tarde… tudo Bom?
    Estou encantada com a história de vocês… eu e meu namorado estamos começando a planejar nossa volta ao mundo, provavelmente com saída em 2019/2020… Queria saber o custo final da reforma do carro e quanto planejaram o gasto mensal? Estamos pensando em 4k reais…

    Obrigada desde ja!!!!!
    Boa sorte na viagem!

    • Olá, querida amiga Camila Lucatelle, tudo bem com você?
      Ficamos muito felizes em receber a sua mensagem no Terra Adentro e conhecer um pouco mais sobre os seus planos futuros! 🙂
      Então, toda a montagem de nosso carro (incluíndo toda a adaptação, eletrodomésticos, equipamentos e etc) custou algo como 40k, fora o valor do carro.
      Quando saímos do Brasil, planejamos um gasto diário de R$250,00. Conseguimos fazer um pouco abaixo disso na América Latina, contudo, nos EUA e Canadá, foi impossível manter esta meta, especialmente porque nosso carro quebrou várias vezes.
      Acredito ser possível gastar algo como 4k por mês, caso faça toda a viagem bem devagar, parando por vários dias em todos os lugares que passar.
      Caso contrário, se o ritmo da viagem for mais acelerado, será muito difícil, pois a despesa com diesel vai pesar muito no seu orçamento.
      Não sei como estão planejando o roteiro pelo mundo, mas é bom colocar no orçamento as possíveis travessias marítimas, pois elas pesam demais no custo total do projeto.
      Bom planejamento, Camila, e o que pudermos ajudar, conte sempre com o nosso apoio! 🙂
      Um abraço dos amigos,
      Henrique e Sabrina.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here