Se algum dia você estiver em busca de uma grande aventura, não deixe de viajar de carro para o Peru.

O país é rodeado de paisagens surreais, por uma cultura andina única e por motoristas kamikazes! Isto mesmo! Nada como dirigir no Peru e ter a certeza que os motoristas do país são destemidos, corajosos e, certas vezes, muito agressivos.

Cenas comuns pelo Peru

Por diversas vezes, mas por diversas mesmo, vimos um acidente acontecendo em nossa frente. Ultrapassagens perigosíssimas, paradas repentinas e buzinas ininterruptas são características marcantes dos motoristas pelo país.

Quando cruzamos para o Peru não fazíamos ideia que o trânsito do país era tão caótico e, nos primeiros dias, estávamos completamente desnorteados. Aos poucos, fomos entendendo como as “coisas funcionam” por lá e que, pra ser um bom motorista no Peru, você precisa praticar diariamente a direção defensiva.

Os famosos Tuk-Tuks, os triciclos muito comuns pelo Peru.

Em duas oportunidades, cruzamos com caminhões ultrapassando em curvas, bem nas estradas sinuosas da Cordilheira dos Andes. Por pouco, mas por bem pouco, não batemos em uma destas vezes. A nossa sorte era que, neste trecho, diferentemente do restante da estrada, havia um pequeno acostamento, ao lado de um imenso precipício. Nos encaixamos bem entre o penhasco e o caminhão. Foi por um triz.

Da outra vez, cruzamos com um carreta ultrapassando novamente na curva e, ao escaparmos da colisão, jogando o Mochileiro para o pequeno acostamento que existia, o motorista do caminhão buzinou e gesticulou agressivamente, como se reclamasse de estarmos dirigindo bem em nossa pista, ocupando o espaço de ultrapassagem dele, exatamente na curva e na contramão.

São vários os relatos de outros viajantes que também passaram por momentos perigosos nas estradas do Peru.

Uma das muitas estradas perigosas do Peru. Uma boa estratégia é sempre buzinar nas curvas fechadas.

Com o tempo no país, aprendemos que uma estratégia que funciona bem é buzinar nas curvas fechadas, o que ajuda a evitar que caminhões e/ou carros ultrapassem neste trechos.

Mas nada que substitua uma boa direção defensiva e muita atenção, principalmente nos trechos da Cordilheira dos Andes.

12 COMENTÁRIOS

  1. Eu nao fui de carro mas andei de van de cusco ate a hidroeletrica base para Machu picchu. Meu amigo! O que dizer de uma van beirando precipícios a toda hora em meio as nuvens e pessoas nauseadas e vômitando no banco de trás sem parar? Uma turista levou um saquinho que virou o saco coletivo de vômitos! Kkkkk. E as agencias de turismo de cusco vendem as passagens de van sem avisar nada! Como se no mundo todo fosse assim!

    • Nossa, que experiência maluca, amigo Eduardo Calvoso! 🙂
      Realmente, o trânsito no Peru não é brincadeira, leva ao limite o atestado de paciência e habilidade dos motoristas estrangeiros que passam por lá!
      Ainda bem que chegaram e voltaram bem, apesar da adrenalina ter ido às alturas! 🙂
      Grande abraço dos amigos,
      Henrique e Sabrina.

  2. Andei bastante no Peru em 2013 fiz Lima x Nazca X Cuzco XPuno .. os caras sao loucos no volante passei por varias situacoes de risco , fora as propinas . Me pararam duas vezes e numa delas morri com 200 dolares , depois dessa andava colado nos carros peruanos e quando tinha alguma barreira policial quando percebiam eu ja tinha passado .. numas ocasiao uma viatura ligou a sirene 🚨 sentei o pé no fundo e tchau tchau .. mas o País eh incrivel

    • Olá amigo Marcelo, tudo bem?
      Quantas aventuras incríveis você pôde vivenciar no Peru! =)
      E quantas situações inusitadas e, muitas vezes, perigosas que vivemos por lá!
      O Peru é um país impressionante, com paisagens estonteantes e uma cultura única na América do Sul, mas o trânsito e os motoristas são um problema sem solução por lá.
      Exige muita paciência e atenção pra cruzarmos todos os nossos caminhos por lá! =)
      Muito obrigado por compartilhar suas histórias e experiências conosco, Marcelo.
      Grande abraço dos amigos,
      Henrique e Sabrina.

  3. Olá
    Estivesse no Peru em janeiro de carro, passando por Tacna, Arequipa, Cusco, Puno e Desaguadero, realmente o motorista Peruano é bem mau educado na direção, mas as condições das estradas compensam isso. Nas cidades buzinar e andar colocado é normal. Tem uma cidade entre Arequipa e Cusco, chamada Juliaca que é o caos, parece que foi bombardeada.
    Muito bacana a aventura, estou acompanhando sempre que posso. …Parabéns!

    • Olá Flávio Regis, tudo bem?
      Ficamos muito felizes em receber a sua mensagem no Terra Adentro! =)
      Realmente, amigo, é impressionante como os motoristas peruanos são agressivos no trânsito. Demora um tempo pra acostumarmos, pois é um trânsito completamente diferente do que estamos adaptados.
      Nossa, esta cidade, Juliaca, é realmente o caos, além de ser bem perigosa, pois lemos muitos relatos de viajantes que foram roubados lá.
      Muito obrigado pela companhia nesta longa jornada pelo mundo, Flávio!
      Abraços dos amigos,
      Henrique e Sabrina.

    • Olá amigos, Marcos e Érika, do 3 na Estrada! =)
      Realmente, temos que confessar que dirigir no Peru é uma verdadeira aventura!
      Muito obrigado pela companhia de vocês e pelas ótimas energias que sempre nos enviam!
      Vamos em frente! =)
      Abraços dos amigos,
      Henrique e Sabrina.

  4. Pra chegar a Santa Teresa última cidade que se chega dirigindo a caminho de Machu Picchu existe uma estrada que deixa a estrada dá morte na Bolívia no chinelo ali vi que realmente esse povo é kamicasi. Ultrapassagens margeando desfiladeiros de mais de 400 metros. Essas coisas deixam o Peru ainda mais espetacular!

    • Realmente, amigo Tadeu, esta última estrada, antes de Santa Teresa, é aventura na certa, principalmente se tratando de motoristas peruanos! =)
      Este é mais um elemento que torna o Peru, um lugar ainda mais surpreendente!
      Abraços dos amigos,
      Henrique e Sabrina.

  5. Essa é a lei no Perú, principalmente na perigosa estrada a caminho de Cusco (CURVAS), mão na buzina o tempo todo. Dirigir nessas estradas o risco de morte é real.

    • Fala Fred, tudo bem?
      Realmente, amigo, é sempre importante dirigir com muita cautela e atenção nas estradas peruanas, buzinando fortemente em todas as curvas fechadas!
      Abraços dos amigos,
      Henrique e Sabrina.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here