Quando cruzamos para o México, uma boa parte de nosso roteiro pelo país já estava planejado. Não que não houvessem espaços para novos destinos ou imprevistos durante o caminho, pelo contrário, mas vários lugares que gostaríamos de conhecer já estavam definidos.

Neste primeiro roteiro, por incrível que pareça, não constava a região de Playa del Carmen, famosa por ser um dos destinos mais badalados da Riviera Maya. Contudo, boas propostas fotográficas que surgiram na cidade nos fizeram mudar de ideia, alterando completamente o nosso roteiro.

Uma de nossas praias preferidas em Playa del Carmen.

À princípio, seguimos para Playa del Carmen para fazer a sessão fotográfica do Hotel Le Rêve, contudo, outros convites, como o do Newport House e do Occidental Xcaret, nos fizeram esticar a nossa estada na região.

Entretanto, a nossa passagem por Playa del Carmen não se resumiu somente ao trabalho fotográfico que realizamos para estes três parceiros, mas também por momentos incríveis nas praias da região, presenteados por pores do sol e paisagens fantásticas.

Entardecer incrível em Playa del Carmen.

Aliás, muitas destas praias deixaram de ser públicas há um bom tempo, sendo dominadas pelas grandes redes hoteleiras. Nas poucas praias que ainda não se paga para entrar, passamos diversos fins de tarde observando as esverdeadas águas do Caribe, na companhia de viajantes que, assim como nós, não tinham acesso às praias privadas.

Certo ou não, é fato que a Riviera Maya se massificou e, atualmente, deixou de ser um destino exclusivo, apesar de estar nas preferências de 9 em cada 10 casais em lua de mel.

E Playa del Carmen pode ser considerada o meio termo entre os extremos da Riviera Maya, ou seja, de Cancún à Tulum. Não tão repleta de resorts all-inclusive como Cancún e não tão rústica como Tulum, Playa del Carmen consegue agradar a todos os estilos de viajantes, mesmo aqueles que viajam com pouco dinheiro no bolso.

E este foi o nosso caso. Nos surpreendemos com a região, que antes nem planejávamos conhecer e levamos conosco boas impressões em nossas mochilas, apesar de conhecermos muitas praias apenas pelas frestas das grades dos portões.

Bom, mas assim é a realidade e há de conviver com ela.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here