A nossa viagem pela Islândia começou de uma forma que nunca imaginávamos.

As paisagens surreais da Islândia.

Partimos de Edimburgo, na Escócia, e cerca de duas horas depois aterrizamos no 19° país de nossa volta ao mundo de carro. Os nossos corações batiam acelerados e os olhos brilhavam inexplicavelmente. Estávamos prontos para explorar um dos lugares mais aguardados, desde o momento em que começamos a desenhar a nossa viagem.

Paisagens como esta nos esperavam.

Só não esperávamos que o nosso primeiro dia na Islândia seria de fortes aventuras, não na natureza, como tanto gostaríamos, mas sim no hospital de Reykjavik, a capital do país.

Uma simples tentativa de cortar uma certa embalagem com a tesoura se transformou em um sério acidente, cortando profundamente o dedo médio esquerdo da Sabrina. O susto foi inevitável, nos paralisando por alguns minutos, convertendo toda a dor e espanto em um silêncio profundo.

Assim que vencemos a paralisia do susto inicial, buscamos ajuda com os moradores locais, que nos indicaram um hospital próximo de onde estávamos. Aceleramos até lá, com o lenço que encobria o dedo da Sabrina completamente ensanguentado.

Fomos recebidos com uma certa educação e presteza e, logo, a Sabrina foi avaliada por uma simpática enfermeira, que tratou de encaminhá-la para o atendimento médico disponível. Porém, antes disto, para a nossa surpresa, a recepção do Hospital nos passou o preço da intervenção, talvez na tentativa de nos alertar se desejaríamos seguir em frente ou não.

Sete horas depois, a Sabrina deixou o consultório médico com quatro pontos no dedo, 550 Euros a menos no bolso e uma certa frustração pelo atendimento decepcionante.

Apesar do susto, um certo alívio tomou conta de nós, mesmo cientes de que não deveríamos ter viajado com o Seguro Saúde vencido. Equívoco ou não, a vida na estrada é feita de inúmeras escolhas e nem sempre é possível encaixar tudo o que desejaríamos em um apertado orçamento. O certo é sempre definir as nossas prioridades e, a partir deste momento, o Seguro Saúde se tornou uma delas para nós.

No dia seguinte, recuperados do susto, pudemos, enfim, começar a nossa jornada pela Islândia, apontando o GPS para a região mais turística do país, a Golden Circle.

Repleta de cachoeiras incríveis, gêiseres e de uma estrutura invejável, a Golden Circle é o ponto de parada preferido dos turistas que visitam a Islândia diariamente. Seja no Parque Nacional Pingvellir, nos lagos às margens das estradas ou nas incontáveis cachoeiras, a Islândia começava a nos encantar quilômetro a quilômetro.

A impressionante Gullfoss.

A certeza de que tínhamos escolhido o lugar certo veio quando nos deparamos com a impressionante Gullfoss, uma das maiores joias islandesas. Com uma queda d’água volumosa e impactante, a cachoeira que se forma a partir do rio Hvítá é cênica, especialmente durante os meses mais frios, quando blocos de gelo se misturam às águas congelantes, criando uma paisagem surreal, algo que a natureza da Islândia se especializou ao longo dos milhões de anos.

Uma estrada incrível atrás da outra.

A nossa roadtrip pelo país estava apenas começando, mas já com intensas emoções.

4 COMMENTS

  1. Boa noite! Em qual mês fizeram essa road trip? Fizeram com o Mochileiro ou alugaram carro lá? Gostaria de mais detalhes se possível. Penso em ir com uma amiga em novembro deste ano e adoraríamos fazer a mesma road trip mas não sabemos se o inverno a permite. Abs,

    Wesley

    • Olá, amigo Wesley! Tudo bem com você?
      Ficamos muito felizes em receber a sua mensagem no Terra Adentro! 🙂
      Fizemos a viagem à Islândia do dia 21/março até 28/março. Esta época é excelente, pois não faz tanto frio, as montanhas ainda estão cobertas de neve, os preços são bem mais baratos e você tem ótimas chances de contemplar belas noites de Aurora Boreal.
      Nós alugamos um carro por lá, o mais barato que tinha, o i10 da Hyundai.
      Caso vocês decidam ir em novembro, é importante avaliarem a média das temperaturas neste período, bem como as probabilidades de fortes nevascas. Acredito que vocês conseguirão rodar normalmente pelas estradas do país, mas existe uma chance maior de que imprevistos climáticos aconteçam.
      De qualquer forma, é uma ótima época para vocês observarem as Auroras Boreais.
      Ótima viagem, Wesley e qualquer dúvida conte sempre conosco.
      Abraços dos amigos,
      Henrique e Sabrina.

  2. Henrique e Sabrina, que susto que vocês deram, está tudo bem com vocês?, eu andei sumido pois estou atarefado com alguns assuntos que estou resolvendo, mas penso em vocês todos os dias, e peço a Deus que Ele sempre esteja com vocês.
    Abraços meus amigos.

    • Olá, amigo Edison Carneiro! Tudo bem?
      Nossa, amigo, foi um baita susto mesmo! Mas, agora já está tudo bem com a Sabrina, Graças a DEUS!
      Estávamos sentindo a sua falta por aqui. Sempre nos lembramos de você também, Edison!
      Muito obrigado pelas orações sempre e que DEUS continue abençoando e iluminando a sua vida!
      Ainda esperamos reencontrá-lo num futuro breve.
      Abraços dos amigos,
      Henrique e Sabrina.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here